quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Turismo Insustentável - Parte 2

Agradecemos à repercussão da nossa situação na imprensa e à reação do público - ainda que exagerada e extrema. Pela primeira vez em muito tempo o bairro conseguiu se fazer ouvir pelas autoridades, que sempre negam atenção aos nossos problemas, que são muitos: criminalidade, falta se saneamento, limpeza das ruas e da praia, estrutura de lazer precária, só para citar alguns.
Finalmente a comunidade conseguiu ser ouvida. Se foi este post publicado em novembro que deu a arrancada para estas mobilizações, ótimo!
Não podemos julgar nem condenar os manifestantes, que querem solução, porque já chegamos além do limite tolerável. Até porque não há e não houve qualquer manifestação de violência por parte da comunidade de Canasvieiras.
Também não podemos aceitar que seres humanos sejam "descartados" e abandonados em qualquer lugar, como "coisas" indesejadas, sem qualquer assistência do poder público. 
A prefeitura já começou a se mexer. É óbvio que em lugar nenhum do mundo se consegue conviver desta maneira, onde as autoridades se omitem e não agem, somente reagem quando se faz algo para chamar-lhes a atenção.

14 comentários:

Mariana disse...

É bem assim, neste país as pessoas confundem ação com violência, se você não faz nada é taxado de acomodado, quando faz, é ameaçado.
Mas o que vale mesmo é a intenção e sabemos que as do movimento são as melhores, ninguém tá contra os mendigos, pelo contrário, estamos a favor de uma vida digna e a liberdade respeitada de todos, moradores inclusive.

Vera Tomacheski disse...

Eu costumava frequentar a Praia de Canasvieiras com minha familia,mas me ameaçavam cada vez que a gente estacionava perto da Praia,eles nos cobravam estacionamento e se nós não tivesse o dinheiro eles nos ameaçavam,uma vez tentaram nos roubar enquanto eu cuidava minhas filhas pequenhas se banhar,todo mundo viu,estavam em 6 homens ,as pessoas foram se levantando e indo embora de medo deles e eu também é claro,meu vizinho não teve a mesma sorte ,roubaram seu binóculos novo,essas pessoas eran moradores de rua enquanto estavam ali e não eran uma ameaça para ninguém,para mim agora são delinguentes,que ameaçam familias com crianças pequeñas ,e isso é um caso para as autoridades que ainda não se mexeram da cadeira ,eu não volto nesse Praia enquanto esse problema permanecer por lá,e não indico para ninguém !

Carla disse...

Quando eu for levar meus filhos pequenos à pracinha e tiver uma turma instalada, sujando e depredando tudo, vou deixá-los à vontade, afinal o espaço é público e os incomodados que se retirem.
Deixemos os moradores das ruas livres para fazerem o que bem entenderem, como tem sido assim desde muito tempo.
Chega!!!!
Canasvieiras não é bagunça!!!!!

Anônimo disse...

Bando de fascistas do caralho.............

Nelson disse...

Quem não tem argumentos, não contribui com nada, e não se identifica, usa palavras de baixo calão conforme a sua educação.
Até rimou hahahahahahahaha!!

Anônimo disse...

Vocês acreditam que os ditos "turistas" que não são moradores de rua não trazem drogas e sujeira???
Deveriam ter vergonha de uma campanha como essa e estar lutando por políticas públicas (assistência social, saúde, habitação, trabalho) para essas pessoas.

Maria Fatima disse...

No Brasil inteiro teve indignação e repudio ao movimento SOS Canasvieiras, pois ficou claro a postura FASCISTA de uma parte dos integrantes,precisam ler os comentários em jornais, blog, facebook.Tem gente de bem se movimentando com denuncias aos órgãos competentes.Foram ouvidos sim, como um grupo fascista que promove violência e marginalização a os mais necessitados.

Marcos disse...

A hoje “empresária” Luciana Gertrudes Silva, que encabeça a “limpeza e higienização”dos mendigos,começo seu “empresariado” no Sauna de Canasvieiras.Hoje, no seu grupo,mostraram vídeos de mendigos fazendo sexo embaixo do cobertor.Quem é mais limpo?O será que o dinheiro muda toda condição humana?

Carlos disse...

O movimento SOS Fascista não tem a coragem de encarar os traficantes, que todo mundo sabe aonde estão , também na rua , a vista de todos,todos os dias, mais fica mais fácil chutar mendigos o pior, convencer as pessoas que o problemas são os mendigos,e assim promover a violência contra eles,?
Covardes insanos!!

Ariela disse...

Quem disse que eles chutam mendigos?
Quem disse que a luta pela segurança do bairro e do norte da ilha também não inclui outros grupos (traficantes, ladrões, estupradores)?
Ninguém é contra os moradores de rua, já foi dito isto à exaustão, só quem tem algum interesse escuso, pode afirmar o contrário.
Interesses que darão às autoridades munição para não agirem em favor das pessoas, porque terão a desculpa que nem as próprias pessoas se entendem, o que eles poderão fazer?
E quando digo pessoas, que fique bem claro: HOMENS , MULHERES, CRIANÇAS, MORADORES DE RUA, JOVENS, ADOLESCENTES....de TODAS as camadas sociais, de TODOS os credos, de TODAS as profissões, se não os manifestantes podem correr o risco de serem ameaçados e acusados de racistas e preconceituosos.
Francamente!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

M. Helena disse...

Fiquei sabendo por fonte segura que o soscanasvieiras que faz as passeatas com faixa bem grande escrito soscanasvieiras, NÃO é o mesmo SOSCANASVIEIRAS deste blog.
O SOSCANASVIEIRAS (original) começou sua luta pelo saneamento básico, seus integrantes foram incansáveis neste trabalho, colheram algum resultado, e sempre fizeram de forma consciente, responsável e pacífica.

Sandra disse...

Não temos participação nas passeatas, mas assumimos que queremos solução para os moradores de rua terem dignidade. Nosso bairro é carente em tudo, como relatamos no post acima. Por ser um lugar pequeno, este problema de pessoas nas ruas, sem rumo e sem esperança,potencializa-se.
Assim como eles têm direito à liberdade de ir e vir, a comunidade também tem o mesmo direito.
O SOSCANASVIEIRAS!, o original, que mantém este blog,se responsabiliza pelos posts publicados, não por esta ou aquela declaração mais exaltada de outrem.
O SOS CANASVIEIRAS!, o original, luta em primeiro lugar pelo direito ao saneamento básico, onde nossa praia está morrendo e nossa SADIA qualidade de vida está ameaçada. Consequentemente luta para diminuir as diferenças e não aceita de maneira alguma que seres humanos sejam jogados aqui sem nenhuma assistência do poder público.
Se fomos mal interpretados, consciente ou inconscientemente, principalmente pela mídia sensacionalista, que fique claro nossa posição de uma vez por todas: NÃO SOMOS RESPONSÁVEIS POR DECLARAÇÕES QUE NÃO TRADUZAM O RESPEITO A TODOS OS SERES HUMANOS, INDEPENDENTE DA SUA CONDIÇÃO SOCIAL E O RESPEITO AOS ANIMAIS ABANDONADOS, inclusive apoiamos a causa de voluntários que também lutam para diminuir mais esta mazela de nosso mundo.
Sandra Petersen - SOS CANASVIEIRAS!

Sandra disse...

Mais um detalhe: Resolvi dar esta declaração por que estou sendo mal tratada quando saio de casa. As pessoas mais exaltadas não aceitam nem conversar, já formaram suas opiniões decorrentes deste mal entendido.
Sandra Petersen

Tati Vogel disse...

Pessoal, sou moradora de canas à 4 anos. Estas manifestações na rua com faixas não é o mesmo SOS Canasvieiras deste Blog, usaram o nome devido ao pedido de ajuda no caso dos mendigos.
Conheço a Sandra Petersen e sei que jamais teria dito que o correto é chutar ou maltratar mendigos, sendo que esta pessoa nos ajuda muito com animais de rua. Uma pessoa que ama animais, seria capaz de maltratar pessoas??
Os mendigos que aqui já moravam, são conhecidos, mas muitos NOVOS é o que causou tantos problemas. A revolta é, se tem mesmo outras praias trazendo pessoas para cá... pessoas não são objetos para serem descartadas....assim como os animais, que são trazidos de outras praias.
É dificil manter a ordem quando há excessos.
Por favor, vamos cuidar e não criar opiniões sem ter a informação correta.